Receitas tradicionais

Hambúrguer Número Um

Hambúrguer Número Um

Aqueça uma frigideira ou frigideira em fogo médio-alto e cubra com azeite. Em uma tigela, misture a carne, o sal e a pimenta a gosto para formar quatro hambúrgueres de 12 centímetros. Cozinhe os hambúrgueres por cerca de 8-9 minutos na panela, virando uma vez, até o ponto desejado. Enquanto os hambúrgueres estão cozinhando, coloque todo o bacon em uma frigideira e cozinhe por cerca de 5 minutos de cada lado, reserve.

Pouco antes de os hambúrgueres estarem cozidos, coloque o queijo Crescenza e Gorgonzola por cima até derreter; retire do fogo e deixe descansar. Corte os pãezinhos de brioche torrados pela metade e distribua o molho uniformemente em cada lado do pão. Camada de bacon e rúcula para completar o hambúrguer. Sirva quente.


A melhor receita do Copycat Big Mac

Mitch Mandel e Thomas MacDonald

Somos grandes fãs do Big Mac (afinal, estava na capa do primeiro Coma isso, não aquilo! livro) - ou pelo menos o princípio geral por trás dele. Os hambúrgueres finos, a camada de queijo americano, o molho especial - tudo isso junto de uma forma que torna este hambúrguer um ícone convincente do estabelecimento de fast-food americano. Mas ninguém pode dizer que o Big Mac é exatamente uma refeição saudável. É aí que entramos! A receita do Big Mac tem dois problemas principais: a qualidade dos ingredientes é ruim e o pão do meio é absolutamente supérfluo. Substituímos a carne misteriosa por lombo magro e moído, selamos em uma frigideira de ferro fundido até dourar bem e, em seguida, reunimos os ingredientes clássicos em um único pãozinho mole de gergelim.

Nutrição: 380 calorias, 15 g de gordura (5 g saturada), 760 mg de sódio

4 porções


Molde a carne moída em um círculo fino do mesmo diâmetro do pão. Cubra o hambúrguer com papel manteiga e congele.

Quando estiver pronto para preparar o hambúrguer, pré-aqueça uma frigideira grande em fogo médio.

Pulverize um pouco de spray de manteiga ou espalhe uma fina camada de manteiga derretida nas faces do pão superior e inferior. Doure levemente as faces do pão na frigideira, retire-os e reserve.

Grelhe o hambúrguer na frigideira e polvilhe levemente com sal e pimenta. Cozinhe a carne por 3 a 4 minutos de cada lado até ficar pronta.

Enquanto o hambúrguer cozinha, faça o hambúrguer espalhando primeiro a maionese sobre a superfície bronzeada do pãozinho de baixo. Disponha as fatias de picles na maionese. Polvilhe a cebola picada sobre os picles. Em seguida, arrume a alface no sanduíche. Empilhe as rodelas de tomate sobre a alface.

Quando a carne estiver pronta, coloque-a em cima dos outros condimentos e cubra o sanduíche com o pão de cima. Se quiser que o sanduíche fique mais quente, coloque-o no microondas por 10 a 15 segundos.


Eu sou Todd Wilbur, Hacker de comida crônica

Por 30 anos, tenho desconstruído os alimentos de marca mais icônicos da América para fazer as melhores receitas de clones originais para você usar em casa. Bem-vindo ao meu laboratório.

Esta noite, não se contente com bifes que são servidos direto da grelha. Em vez disso, surpreenda a todos ao servir filés de lombo de vaca grelhados que foram "coroados" com migalhas de pão de raiz forte amanteigada. Esta apresentação parece e tem um gosto ótimo, mas a melhor parte: é realmente muito fácil. A crosta é preparada com antecedência combinando os ingredientes e formando a mistura em "discos" de crosta que são refrigerados até ficarem firmes. Depois, quando os bifes saem da grelha, cubra cada um com uma crosta e grelhe até borbulhar. Agora, sente-se e observe como seus alimentadores sacodem quando dão a primeira mordida. Isso mesmo, esta noite você governa.

Quer mais receitas imitadoras do Outback? Clique aqui.

Quando as vendas deste sanduíche de oferta limitada excederam as expectativas, o Wendy's o tornou um item permanente do menu. Agora você pode recriar o toque picante do original com uma mistura secreta de especiarias na crocante cobertura do frango. Siga a mesma ordem de empilhamento do original e você fará quatro clones em sanduíche por uma fração do custo do produto real.

Confira mais receitas imitadoras de Wendy, como o famoso chili, aqui.

O pacote de temperos Taco Bell que você compra em supermercados faz uma deliciosa carne picante para tacos, mas não espere que tenha o mesmo gosto da carne da gigante rede de alimentos mexicanos. Para um clone melhor, use esta receita. Depois que a carne estiver preparada, é simples fazer tacos macios do jeito Taco Bell usando essas etapas. Se você quiser tacos crocantes, substitua as tortilhas de farinha macia por cascas de milho crocantes.

Misture, aqueça, deixe esfriar e guarde na geladeira até a hora da salada.

Agora, que tal um Toowooma Steak ou Alice Springs Chicken como prato principal? Confira mais de minhas receitas imitadoras do Outback Steakhouse aqui.

Taco Bell leva a quesadilla de fast food a um novo território com três queijos diferentes e um molho cremoso de jalapeño, que agora você pode recriar alegremente no conforto de sua cozinha aconchegante. Reúna a tripulação, já que esta receita fácil fará quatro deliciosas tortilhas.

Que tal um molho caseiro de Diablo, quente ou suave para acompanhar sua quesadilla? Confira todas as minhas receitas imitadoras do Taco Bell aqui.

Descrição do Menu: "Queijo parmesão, romano e mussarela, amêijoas e pão ralado de ervas assadas em cápsulas de cogumelos."

Pão ralado, amêijoas e três tipos de queijo são cozidos em tampas de cogumelos brancos neste clone de uma das principais opções do menu de aperitivos do Olive Garden. Misture todos os ingredientes do recheio em uma tigela, recheie as tampas dos cogumelos, polvilhe um pouco de pimentão vermelho picado, cubra os cogumelos com um cobertor de fatias de queijo mussarela e leve ao forno. Após 15 minutos, você terá um ótimo aperitivo ou hors d'oeuvre para 4 a 6 pessoas - que é o dobro do tamanho da porção do prato do restaurante.

Você amou esta receita de cogumelos recheados do Olive Garden? Confira mais de minhas receitas de clones aqui.

Descrição do Menu: "Marinado em teriyaki e coberto com abacaxi grelhado, queijo Cheddar, alface, tomate e maionese. Cara, você vai estar tipo, pronto para andar no oleoduto no litoral norte de Oahu depois de comer isso!"

Aqui está a escolha número um do cliente do enorme menu de hambúrgueres do Red Robin. De acordo com os servidores do Red Robin, a carne que eles usam para todos os seus hambúrgueres é moída de bife de flanco Angus. Essa carne dá um ótimo hambúrguer, mas pode ser difícil de encontrar. Se você não conseguir encontrar carne Angus, escolha um pouco de mandril moído para esta receita. Certifique-se de que o teor de gordura seja de pelo menos 15%, já que a carne moída com baixo teor de gordura faz hambúrgueres muito secos e de sabor curto. Testei meia dúzia de esmaltes teriyaki populares nas lojas e nada se compara ao que eles usam no restaurante, então incluí uma receita aqui para fazer a sua própria. Certifique-se de observar atentamente a carne marinada e as fatias de abacaxi na grelha, pois o açúcar da marinada teriyaki pode queimar em fogo aberto. Se você for grelhar ao ar livre, mantenha a tampa aberta. E não bata no La-Z-Boy até que o hambúrguer esteja pronto.

Encontre mais receitas do meu imitador Red Robin aqui.

No início de 1985, o restaurateur Rich Komen sentiu que havia um nicho de especialidade em serviço de comida de conveniência esperando para ser preenchido. Sua ideia era criar um outlet eficiente que pudesse servir pãezinhos de canela feitos na hora em shoppings de todo o país. Komen e sua equipe levaram nove meses para desenvolver uma receita de pãozinho de canela que ele sabia que os clientes considerariam "o pãozinho de canela mais fresco, mais pegajoso e de dar água na boca já provado". O conceito foi testado pela primeira vez no shopping Sea-Tac de Seattle no final daquele ano, com trabalhadores misturando, revisando, enrolando e assando os rolos à vista dos clientes. Agora, mais de 626 pontos de venda depois, Cinnabon se tornou a padaria de pão de canela de crescimento mais rápido no mundo.

Descrição do Menu: "Frango defumado, feijão preto, milho, queijo jalapeño Jack, pimentão vermelho e espinafre embrulhado em uma tortilha de farinha crocante. Servimos com nosso molho de abacate."

A Chili's foi a primeira rede a popularizar o eggroll ao estilo do sudoeste, mas, como acontece com qualquer item de menu de sucesso, clones têm aparecido nos cardápios de aperitivos de outras grandes redes nos últimos anos. Embora seja mais parecido com um pequeno chimichanga do que com um eggroll, este aperitivo é uma criação fabulosa com sabor de monstro. Uma tortilha de farinha é recheada com uma mistura apimentada de milho, cebolinha, feijão preto, espinafre, pimenta jalapeño, queijo Monterey Jack e temperos e depois é frita. Corte os pãezinhos fritos na diagonal, mergulhe as fatias em um molho cremoso de abacate, e você terá feito um sólido para suas papilas gustativas. Prepare-os várias horas antes do plano de servir para que possam congelar antes de fritar (é um ótimo prato para fazer um dia antes de uma festa ou evento). Essa etapa de congelamento ajudará os fritos externos a ficarem dourados, mas os eggrolls permanecerão dobrados e o óleo não entrará. Montar os eggrolls leva um pouco de tempo, então, se você gostar deles, sugiro fazer um lote duplo. Já que você irá congelá-los, você terá extras à mão no congelador, prontos para cozinhar com apenas um pouco de esforço adicional.


Eu sou Todd Wilbur, Hacker de comida crônica

Por 30 anos, tenho desconstruído os alimentos de marca mais icônicos da América para fazer as melhores receitas de clones originais para você usar em casa. Bem-vindo ao meu laboratório.

Inclui oito (8) receitas de 79 ¢ à sua escolha todos os meses!

Este delicioso frango crocante em um frango agridoce cítrico é o prato mais popular na enorme rede chinesa de take-away. A Panda Express cozinha toda a sua comida em woks. Se você não tiver um desses, pode usar uma frigideira pesada ou uma frigideira grande.

($ 23,88 anualmente) *
Economize $ 12 em comparação ao mês

Inclui oito (8) receitas de 79 ¢ à sua escolha todos os meses!

Esgueirando-me para os fundos de uma loja de HoneyBaked Ham, testemunhei o processo de envidraçamento por uma porta aberta. Os presuntos são entregues em cada um dos 300 estabelecimentos HoneyBaked já fumados, mas sem o esmalte. É apenas quando o presunto chega à loja HoneyBaked local que uma máquina especial corta a carne tenra em uma espiral ao redor do osso. Em seguida, um de cada vez, cada presunto é coberto com o esmalte - uma mistura semelhante à que pode ser usada para fazer torta de abóbora. Esta cobertura doce é então caramelizada com um maçarico à mão até que o vidrado borbulhe e derreta, tornando-se marrom dourado. Se necessário, mais do revestimento é adicionado e o maçarico é acionado até que o esmalte esteja correto. É esse processo cuidadoso que transforma o presunto do mesmo tamanho, que custa 20 dólares no supermercado, em um presunto que os clientes pagam de 3 a 4 vezes mais para dividir durante as festas de fim de ano.

Para esta receita de imitação de glacê de presunto HoneyBaked, iremos recriar o esmalte que você pode aplicar a um presunto com osso cozido / defumado de sua escolha. Procure um presunto pré-fatiado. Caso contrário, você terá que fatiar você mesmo com uma faca afiada, então o esmalte será aplicado. Para obter o revestimento perfeito, você deve usar um maçarico. Compre o tipo usado para o creme brulee em quase todas as lojas de materiais de cozinha. Eles geralmente são muito baratos. E não se preocupe - eu não deixei um ingrediente de fora. Nenhum mel é necessário para recriar este esmalte saboroso.

No início de 1985, o restaurateur Rich Komen sentiu que havia um nicho de especialidade em serviço de comida de conveniência esperando para ser preenchido. Sua ideia era criar um outlet eficiente que pudesse servir pãezinhos de canela feitos na hora em shoppings de todo o país. Komen e sua equipe levaram nove meses para desenvolver uma receita de pãozinho de canela que ele sabia que os clientes considerariam "o pãozinho de canela mais fresco, mais pegajoso e de dar água na boca já provado". O conceito foi testado pela primeira vez no shopping Sea-Tac de Seattle no final daquele ano, com trabalhadores misturando, revisando, enrolando e assando os rolos à vista dos clientes. Agora, mais de 626 pontos de venda depois, Cinnabon se tornou a padaria de pão de canela de crescimento mais rápido no mundo.

No início dos anos 90, o Boston Chicken estava arrasando. O estoque da rede de substitutos de refeição doméstica estava disparando e as filas estavam cheias de clientes famintos esperando para cravar os dentes em uma porção do delicioso frango assado da rede. A rede de frango teve tanto sucesso que a empresa rapidamente decidiu que era hora de apresentar outras opções de entradas, a primeira delas era um delicioso bolo de carne de lombo moído coberto com molho barbecue. Mas oferecer as outras entradas apresentava um dilema à empresa: o que fazer com o nome. Os figurões decidiram que era hora de mudar o nome para Boston Market, para refletir um menu mais amplo. Isso significou substituir as placas em centenas de unidades e reformular as campanhas de marketing. Essa mudança de nome, somada à rápida expansão da rede e ao crescimento de outros conceitos semelhantes de refeições caseiras, fizeram a empresa entrar em parafuso. Em 1988, o ganso do Boston Market estava cozido e a empresa pediu concordata. Logo o McDonald's entrou em cena para comprar a empresa, com a ideia de fechar muitas das lojas para sempre, e colocar a Golden Arches no resto. Mas esse plano foi abandonado quando, depois de vender muitos dos mercados de baixo desempenho de Boston, a rede começou a voar novamente. Um ano após a aquisição, o Boston Market era lucrativo e as refeições com sabor caseiro ainda são servidas em mais de 700 restaurantes do Boston Market em todo o país.

Que tal alguns daqueles acompanhamentos famosos do Boston Market para acompanhar sua receita de bolo de carne imitando? Clonei todos os melhores aqui.

Descrição do Menu: "Um molho cremoso quente de alcachofras, espinafre e parmesão com chips de massa."

Quase todos os aspectos dos restaurantes Olive Garden foram desenvolvidos a partir de pesquisas de consumidores conduzidas em um think tank corporativo pela General Mills Corporation. Os frequentadores dos restaurantes foram questionados sobre as preferências, como o tipo de comida a ser servida, a aparência e o ambiente do restaurante, até mesmo a cor dos castiçais de cada mesa. As grandes mesas e as cadeiras confortáveis ​​sobre rolos que você vê nos restaurantes Olive Garden surgiram dessas vigorosas sessões de pesquisa.

Não tenho a certeza se este prato veio dessas sessões, mas segundo os servidores do Olive Garden, o Molho Quente de Alcachofra-Espinafre é um dos aperitivos mais pedidos do menu. O restaurante serve o mergulho com batatas fritas feitas de massa frita, mas você pode servir esta versão do popular aperitivo com praticamente qualquer tipo de biscoito, batata frita ou pão italiano torrado, como a bruscheta.

Clonei uma tonelada de pratos famosos do Olive Garden. Veja se eu hackeado seus favoritos aqui.

Em um dia quente de verão em 1946, Dave Barham teve a inspiração de mergulhar um cachorro-quente na massa de pão de milho de sua mãe e fritar até dourar. Dave logo encontrou um local pitoresco em Santa Monica, Califórnia, perto da praia, para vender sua nova criação com mostarda e um copo alto de limonada bem gelada. Certifique-se de encontrar cachorros-quentes de peru mais curtos, e não "do comprimento do coque". Neste caso, o tamanho importa. Pegue alguns dos pauzinhos de madeira descartáveis ​​de um restaurante chinês ou japonês local na próxima vez que estiver lá e comece a mergulhar.

Atualização 03/05/17: Se seus cachorros-quentes estão dourando muito rápido, abaixe a temperatura do óleo para 350 graus. E, em vez de usar pauzinhos, palitos de espetos redondos e grossos encontrados em lojas de utensílios domésticos e online funcionarão muito melhor.

Esta receita faz uma porção de aperitivo do mesmo tamanho que você obtém no restaurante. São apenas 6 camarões - o suficiente para mim, mas o que vocês vão comer? Graças a Deus o molho remoulade e as fórmulas de tempero de camarão rendem o suficiente para uma porção maior, então você pode grelhar até meio quilo de camarão com esta receita. Encontre sacos de camarão cru congelado que tenha sido descascado, mas com o rabo colocado.

Experimente mais das minhas receitas imitadoras do Outback aqui.

Aqui está um prato de uma cadeia alimentar chinesa em rápido crescimento que deve satisfazer qualquer pessoa que adore o famoso frango à base de bourbon marinado, encontrado em praças de alimentação em toda a América. O molho é tudo aqui, e é rápido de fazer direto no seu próprio fogão. Basta acender a churrasqueira ou a churrasqueira interna para o frango e preparar um pouco de arroz branco para servir como acompanhamento. Panda Express - agora com 370 restaurantes - é a cadeia de alimentos asiática de crescimento mais rápido no mundo. Você encontrará esses pequenos e saborosos pontos de venda de comida rápida em supermercados, cassinos, estádios de esportes, campi universitários e shoppings em todo o país, distribuindo amostras grátis quando você pedir.

Descrição do Menu: "Nossa famosa receita de cheesecake Original! Cremosa e leve, assada em uma crosta de biscoito de graham. Nosso cheesecake mais popular!"

A empresa atacadista de cheesecake de Oscar e Evelyn Overton teve sucesso rapidamente depois que começou a vender cheesecakes cremosos como este para cadeias de restaurantes no início dos anos 1970. Quando alguns restaurantes recusaram os preços que a empresa cobrava por sobremesas sofisticadas, David, filho de Oscar e Evelyn, decidiu que era hora de abrir seu próprio restaurante, oferecendo uma ampla variedade de opções de refeições de qualidade em porções enormes e, é claro, o famosos cheesecakes para sobremesa. Hoje, a rede tem mais de 87 lojas em todo o país e ocupa consistentemente o primeiro lugar na lista de lojas individuais de maior bilheteria de uma rede de restaurantes dos EUA.

Cozinhar seus cheesecakes em banho-maria faz parte do segredo para produzir lindos cheesecakes em casa com uma textura semelhante às vendidas no restaurante. A água envolve seu cheesecake para mantê-lo úmido enquanto cozinha, e a umidade ajuda a evitar rachaduras feias. Você ligará o forno muito quente por um curto período de tempo e, em seguida, desligará o forno para terminar. Também sugiro forrar a assadeira de cheesecake com papel manteiga para ajudar a tirá-la da assadeira quando estiver pronta sem complicações.

Esta receita é tão fácil que até uma criança de 2 anos consegue. Confira o vídeo.

Mais receitas imitadoras de Cheesecake Factory surpreendentes aqui.

Espero que sua equipe esteja com fome, porque esta receita faz quatro pizzas mexicanas como as servidas no Bell: carne moída temperada e feijão frito são imprensados ​​entre duas tortilhas de farinha crocantes, cobertas com queijo cheddar derretido, molho, tomate em cubos e cebola verde picada. Fatie como uma pizza e sirva com um sorriso. Prepare-se para surpreender seus clientes com esta receita de pizza mexicana da Taco Bell se eles estiverem familiarizados com a verdadeira.

Experimente um pouco de molho Diablo, quente ou suave para aquela experiência autêntica de Taco Bell.

São as batatas fritas mais famosas do mundo, responsáveis ​​por um terço de todas as vendas de batatas fritas nos Estados Unidos, e muitos dizem que são as melhores. Essas tiras de batata frita são tão populares que o Burger King até mudou sua própria receita para competir melhor com a fórmula secreta do Mickey D's. Um quarto de todas as refeições servidas hoje em restaurantes americanos vêm com batatas fritas, um fato que emociona os donos de restaurantes, já que as batatas fritas são o item mais lucrativo do cardápio na indústria alimentícia. Etapas de preparação adequadas foram desenvolvidas pelo McDonald's para minimizar o tempo de preparação na loja, enquanto produz uma fritada que é macia por dentro e crocante por fora. Este clone requer um processo de fritura em duas etapas para replicar as mesmas qualidades: as batatas fritas são fritas, congeladas e fritas mais uma vez antes de servir. Certifique-se de usar um fatiador para cortar as batatas fritas para obter uma espessura consistente (1/4 de polegada é perfeito) e para obter um resultado de cozimento que as tornará como a coisa real. Quanto ao boato de que você deve molhar as batatas fritas em água com açúcar para ajudá-las a dourar, também achei que não era necessário. Se as batatas estiverem bem desenvolvidas, elas contêm açúcar suficiente para fazer um bom clone com ótima cor.

Agora, que tal um Big Mac ou Quarter Pounder para acompanhar essas batatas fritas? Clique aqui para obter uma lista de todas as minhas receitas imitadoras do McDonald's.

Os chefs talentosos do Benihana cozinham alimentos em churrasqueiras hibachi com talento e carisma, tratando a preparação como um pequeno show de palco. Eles fazem malabarismos com saleiros e pimenteiros, cortam a comida na velocidade da luz e jogam o camarão e os cogumelos perfeitamente em pratos de servir ou em seu chapéu alto de chef.

Um dos acompanhamentos que todos parecem adorar é o arroz frito. No Benihana, este prato é preparado por chefs com arroz pré-cozido em churrasqueiras hibachi abertas, e é pedido à la cart para complementar qualquer prato Benihana, incluindo bife de Hibachi e frango. Gosto quando o arroz é jogado na grelha quente de hibachi e parece ganhar vida ao chiar e dançar como um punhado de feijões saltitantes. Ok, então eu me divirto facilmente.

Esta receita de arroz frito japonês Benihana vai bem com praticamente qualquer entrada japonesa e pode ser parcialmente preparada com antecedência e mantida na geladeira até que o resto da refeição esteja quase pronto.

Descrição do Menu: "Legumes frescos, feijão e macarrão em um caldo de tomate leve - um clássico vegetariano."

Esta receita de sopa minestrone de Olive Garden imitadora é recheada de feijão, abobrinha, cebola, tomate, cenoura, macarrão e especiarias, mas a fórmula secreta de O.G. não inclui caldo de galinha. O caldo de vegetais enlatado encontrado no corredor de sopas da maioria dos mercados funciona como base aqui nesta fórmula secreta que explode com o sabor de um prato puramente vegetariano.

Confira minhas outras receitas imitadoras do Olive Garden aqui.

A Outback faz seus molhos e molhos para salada do zero todos os dias, seguindo fórmulas mestras em um livro de receitas corporativo. Agora você tem uma receita secreta de sua preferência que irá duplicar o sabor de sua receita de mostarda de mel extremamente popular. Você precisará de apenas três ingredientes básicos e apenas cerca de dois minutos de tempo livre para esta receita de molho de mostarda com mel do Outback.

Foi em 1995 que as lojas Starbucks começaram a vender essa bebida congelada, um dos novos produtos de maior sucesso da empresa. O Frappuccino é misturado com café forte, açúcar, base láctea e gelo. Cada um é feito sob encomenda e cada um é garantido para lhe dar um congelamento cerebral latejante se você beber muito forte. As bebidas vêm em várias variedades diferentes, a mais popular das quais eu clonuei aqui para seu prazer de bombar no lobo frontal e de produzir cafeína.

Faça café duplo medindo 2 colheres de sopa de café moído por xícara servida na cafeteira. O clone será ainda mais autêntico se você usar os grãos da Starbucks e triturá-los antes de fazer a cerveja.

Confira minhas receitas imitadoras da Starbucks para mais bebidas com café e assados ​​aqui.

O pacote de temperos Taco Bell que você compra em supermercados faz uma deliciosa carne picante para tacos, mas não espere que tenha o mesmo gosto da carne da gigante rede de alimentos mexicanos. Para um clone melhor, use esta receita. Depois que a carne estiver preparada, é simples fazer tacos macios do jeito Taco Bell usando essas etapas. Se você quiser tacos crocantes, substitua as tortilhas de farinha macia por cascas de milho crocantes.

Você não encontrará freezers, abridores de latas ou fornos de microondas nesta rede nacional de alimentos mexicanos. Desde 1990, Baja Fresh tem servido comida excelente, preparada na hora com cada pedido. Enquanto espera a sua comida sair, é aí que entra no bar de salsa, onde encontrará várias variedades de salsa fresca deliciosa, desde quente a leve, pronta para ser servida em pequenas cubas que você pode levar para sua mesa ou para seu carro. Uma das seleções mais populares é chamada de Salsa Baja - seu tempero médio, sabor defumado e cor preta profunda tornam a salsa única e misteriosa. Isto é, até agora, desde que tenho um Ultra secreto fórmula para você bem aqui. Mas a receita não foi tão fácil de criar quanto eu pensava. Achei que os tomates teriam que ser extremamente escurecidos em uma grelha quente, mas eu não tinha certeza de como escurecê-los o suficiente para deixar o molho preto sem que os tomates fiquem moles e se quebrem na churrasqueira.

Então, eu voltei para Baja Fresh antes que eles abrissem para espiar pela janela para ver se eu conseguia assistir a alguma produção de salsa quente. Eu esperei e esperei. Depois de várias horas, quando a corrida do almoço estava começando a diminuir e nenhum molho fresco estava no pipeline, era hora de medidas extremas para fazer as coisas andarem. Entrei e pedi 30 banheiras de Salsa Baja para viagem, e pronto. Acabei com um grande saco cheio de 2 galões de salsa (felizmente, eles colocaram as porções de 8 onças em tigelas maiores), e o restaurante entrou imediatamente em "alerta vermelho de salsa" para reabastecer a reserva de salsa, que agora está diminuindo. Foi perfeito. Enquanto eu pegava meu saco de molho, um cara saiu da cozinha com uma caixa enorme de tomates e colocou todos na grelha. Pedi uma Diet Pepsi gigante e me estacionei em uma mesa próxima para observar o processo. Foi quando descobri o segredo. Para tomates super carbonizados, eles começam com tomates firmes e resfriados, que não são muito grandes nem muito maduros. Também descobri que os tomates devem começar a assar na grelha com o lado do caule voltado para baixo. O resto foi simples.

Na Pesquisa de Restaurantes da Cidade de Nova York de 1995 da Zagat, o Le Cirque 2000, um dos restaurantes mais sofisticados da cidade, recebeu uma classificação de 25 de 30 possíveis. No mesmo guia, Al "The Soup Nazi" Yeganeh's Soup Kitchen International teve uma pontuação impressionante de 27 Isso colocou o restaurante Soup Nazi's em 14º lugar entre os melhores restaurantes da cidade naquele ano.

Era comum ver filas se estendendo ao redor da esquina e descendo o quarteirão enquanto clientes famintos esperavam por sua xícara de uma das cinco seleções diárias de sopa quente. A maioria das seleções mudava todos os dias, mas dos três dias que estive lá, a receita do Mexican Chicken Chili estava sempre no cardápio. Nos primeiros dois dias estava esgotado antes de eu chegar à frente da fila. Mas no último dia tive sorte: "Um extragrande Mexican Chicken Chili, por favor." Entregue o dinheiro e vá para a extrema esquerda.

Aqui está um hack para o que se tornou uma das obras-primas culinárias mais populares do Soup Nazi. Se quiser, você pode substituir o peito de frango pelo peito de peru para fazer o chili de peru, que foi a sopa que George Costanza pediu no programa.

Atualização 09/01/17: Substitua as 10 xícaras de água por 8 xícaras de caldo de galinha para um tempo de fervura mais curto e melhor sabor. Também gosto de usar o molho de tomate El Pato (a receita pede 1/2 xícara) para aquecer um pouco mais.

Descrição do Menu: "Um verdadeiro sabor dos trópicos. Receita premiada nacional."

Muitas das receitas de torta de limão-chave que circulam, incluindo a receita encontrada em garrafas de suco de limão-chave, têm um erro gritante: elas não fazem recheio suficiente para caber corretamente em uma casca de torta de crosta de graham de 23 centímetros. Provavelmente porque essas receitas são elaboradas em torno de uma lata de 14 onças de leite condensado adoçado. Mas se vamos fazer uma torta de limão bem grossa como a servida nos restaurantes Margaritaville de Jimmy Buffett, precisamos usar algo como 1 1/2 latas de leite condensado adoçado ou, mais precisamente, duas xícaras do produto. A receita do clone para a torta é simples com certeza, com apenas quatro ingredientes incluindo a casca da torta. Mas não pare aí. Também estou incluindo uma maneira fácil de fazer molho de manga, reduzindo algumas latas de suco de manga de Kern. E há uma receita de molho de framboesa aqui que é feita facilmente com framboesas congeladas. Esses dois molhos são usados ​​para animar o prato do restaurante e certamente são opcionais para a sua versão clone, embora eu os tenha tornado tão fáceis quanto, hum, você sabe.

Os pequenos pacotes vermelhos de molho picante viscoso no gigante do fast food têm um culto de fãs raivosos que farão de tudo para colocar as mãos em grandes quantidades. Um fã do molho comentou on-line: "Há algum funcionário ou gerente da Wendy por aí que vai me enviar uma caixa inteira de tempero de pimenta picante? Juro que não é uma piada. Adoro o produto. Dou dinheiro extra para a Wendy's trabalhadores para obter um grande punhado de coisas. " Bem, realmente não há necessidade de dar gorjeta a nenhum funcionário de Wendy, porque agora você pode clonar tanto molho picante quanto quiser em sua própria cozinha com esta receita secreta.

Os ingredientes listados no verdadeiro tempero Hot Chili são água, xarope de milho, sal, vinagre destilado, sabores naturais, goma xantana e extrativos de páprica. Usaremos muitos desses mesmos ingredientes em nosso clone, mas substituiremos a goma xantana pela gelatina (um espessante) para obter a consistência levemente pegajosa certa. Para obter o sabor e a cor naturais, usaremos pimenta caiena, cominho, páprica e alho em pó e, em seguida, filtraremos as partículas com uma peneira de arame fino depois de terem contribuído com o que o molho precisa.

Esta receita faz 5 onças de molho - a quantidade certa para caber perfeitamente em uma garrafa de molho picante usada - e custa apenas alguns centavos para fazer.

Os restaurantes Claim Jumper só podem ser encontrados no oeste, mas a rede pode reivindicar reconhecimento nacional por seus deliciosos pães e torradas de queijo com alho. Isso porque você pode encontrar pães embalados com o produto pronto para assar na seção de alimentos congelados de seu supermercado local bem abastecido. A receita é tão simples, porém, que não leva muito mais tempo para fazer a delícia de queijo do zero, e você economiza alguns shekels para arrancar. Além disso, é bom usar pão fresco - sua escolha entre torradas do Texas ou seu pão francês favorito. O restaurante serve a versão torrada texana, e a versão supermercado é um pão francês. Para um clone, basta misturar alguns ingredientes básicos, espalhar generosamente no pão de sua escolha e colocá-lo no forno.

Clique aqui para mais dos seus pratos favoritos da Claim Jumper!

Descrição do Menu: "Nosso premiado Baby Back Ribs é assado lentamente, então regado com molho Jim Beam Bourbon BBQ e finalizado em nossa grelha Mesquite."

Quando sua tripulação morder as costas do bebê, eles vão saborear uma carne tão macia e suculenta que escorrega direto do osso. O refogado lento cozinha as costelas na perfeição, enquanto o grelhado rápido adiciona o char final e o sabor a defumado. Mas o componente mais importante para qualquer costela decente é um molho cheio de sabor, e esta versão do premiado molho do Roadhouse Grill é bom. Pedi as costelas nuas (sem molho) para ver se havia algum atrito detectável adicionado antes de cozinhar e não encontrei nada além de sal e muita pimenta-do-reino grossa. Então foi assim que projetei a receita, e funciona.

Agora, que tal um imitador Roadhouse Grill Roadhouse Rita para engolir aquelas costelas.

Descrição do Menu: "Aqui estão eles em toda a sua glória vencedora de prêmios: Buffalo, asas de frango ao estilo de Nova York giradas em seu molho favorito."

Como Buffalo, em Nova York, ficava muito longe, Jim Disbrow e Scott Lowery satisfizeram seu desejo irresistível em 1981, abrindo um restaurante apimentado de frango perto de casa em Kent, Ohio. Com molhos exclusivos e uma atmosfera festiva, a rede evoluiu de um bar de esportes no campus da faculdade com asas para um restaurante familiar com mais de 300 unidades. Embora fritar asinhas de frango não seja um segredo real - simplesmente coloque-as em gordura quente por cerca de 10 minutos - os deliciosos molhos picantes tornam as asas especiais. Existem 12 variedades de molhos disponíveis para revestir suas partes crocantes de frango na rede, e estou apresentando clones para os sabores mais tradicionais. These sauces are very thick, almost like dressing or dip, so we'll use an emulsifying technique that will ensure a creamy final product where the oil won't separate from the other ingredients. Here is the chicken wing cooking and coating technique, followed by clones for the most popular sauces: Spicy Garlic, Medium and Hot. The sauce recipes might look the same at first, but each has slight variations make your sauce hotter or milder by adjusting the level of cayenne pepper. You can find Frank's pepper sauce by the other hot sauces in your market. If you can't find that brand, you can also use Crystal Louisiana hot sauce.

Southern California—the birthplace of famous hamburgers from McDonalds, Carls Jr. and In-n-Out Burger—is home to another thriving burger chain that opened its first store in 1952. Lovie Yancey thought up the perfect name for the 1/3 pound burgers she sold at her Los Angeles burger joint: Fatburger. Now with over 41 units in California, Nevada, and moving into Washington and Arizona, Fatburger has become the food critic's favorite, winning "best burger in town" honors with regularity. The secret is the seasoned salt used on the beef patty. And there's no ketchup on the regular version, just mayo, mustard, and relish. Replace the ground beef with ground turkey and you've just cloned Fatburger's popular Turkeyburger.

Menu Description: "Nearly world-famous. Often imitated, hardly ever duplicated."

"Hooters is to chicken wings what McDonald's is to hamburgers," claims promotional material from the company. True, the six fun-loving Midwestern businessmen who started Hooters in Clearwater, Florida, on April Fool's Day in 1983 chose a classic recipe for chicken wings as their signature item. But while some might say it's the buffalo wings that are their favorite feature of the restaurant, others say it's the restaurant chain's trademark Hooters girls—waitresses casually attired in bright orange short-shorts and skin tight T-shirts.

Today there are over 375 Hooters across the United States serving more than 200 tons of chicken wings every week. The original dish can be ordered in 10-, 20-, or 50-piece servings or if you want to splurge, there's the "Gourmet Chicken Wing Dinner" featuring 20 wings and a bottle of Dom Perignon champagne, for only $125. To further enhance the Hooters experience when you serve these messy wings, throw a whole roll of paper towels on the table, rather than napkins, as they do in the restaurants.

This super simple Chili's salsa recipe can be made in a pinch with a can of diced tomatoes, some canned jalapeños, fresh lime juice, onion, spices, and a food processor or blender. Plus you can easily double the recipe by sending in a larger 28-ounce can of diced tomatoes, and simply doubling up on all the other ingredients. Use this versatile salsa as a dip for tortilla chips or plop it down onto any dish that needs flavor assistance—from eggs to taco salads to wraps to fish. You can adjust the Chili's salsa recipe heat level to suit your taste by tweaking the amount of canned jalapeños in the mix.

Now, what's for dinner? Check out some copycat entrees from your favorite restaurants here.

Jerrico, Inc., the parent company for Long John Silver's Seafood Shoppes, got its start in 1929 as a six-stool hamburger stand called the White Tavern Shoppe. Jerrico was started by a man named Jerome Lederer, who watched Long John Silver's thirteen units dwindle in the shadow of World War II to just three units. Then, with determination, he began rebuilding. In 1946 Jerome launched a new restaurant called Jerry's and it was a booming success, with growth across the country. Then he took a chance on what would be his most successful venture in 1969, with the opening of the first Long John Silver's Fish 'n' Chips. The name was inspired by Robert Louis Stevenson's Treasure Island. In 1991 there were 1,450 Long John Silver Seafood Shoppes in thirty-seven states, Canada, and Singapore, with annual sales of more than $781 million. That means the company holds about 65 percent of the $1.2 billion quick-service seafood business.

Menu Description: "Lightly-dusted, stir-fried in a sweet Szechwan sauce."

The delicious sweet-and-spicy secret sauce is what makes this dish one of P. F. Chang's top picks. Once the sauce is finished all you have to do is saute your chicken and combine. You'll want to cook up some white or brown rice, like at the restaurant. If you can't find straight chili sauce for this recipe, the more common chili sauce with garlic in it will work just as well.

Check out my other P.F. Chang's clone recipes here.

For decades, Carl’s Jr. has effectively cornered the market on fried zucchini at major fast food chains by serving a great crispy breaded version that’s flavorful all the way through. Now you can make zucchini that tastes just as good, as long as you know the secret step that other fried zucchini recipes miss. It makes all the difference.

The secret is a brine. I found that this fried zucchini tastes best when it takes a salted water bath before breading. In 60 minutes, the salt in the brine is absorbed by the zucchini, spreading good flavor all the way through. After the brine, the zucchini is rinsed, coated twice with flour and once with seasoned breadcrumbs, and fried to a beautiful golden brown.

I’m giving you a couple choices here. You can make the recipe all the way through and serve it immediately, or if you want to serve it later, you can par-fry the zucchini and freeze it for several days. After that, when an occasion arises, a couple minutes is all it takes to finish off the dish and serve it. This recipe makes enough for a small gathering, but you can easily cut it in half for a more intimate hang.

Click here for more amazing Carl's Jr. copycat recipes.

Menu Description: "Meaty and spicy, served piping-hot with chopped onions, shredded cheddar, and a whole jalapeño."

When you're craving a big hot bowl of hearty chili to warm the bones and fill your belly make one that has become a classic. This hack of the Lone Star signature dish is easy-to-make, low in fat, and delicious. And if it's super brisk outside, you might want to add an additional tablespoon of diced jalapeño to the pot to aggressively stoke some internal flames.

Check out my other clone recipes for top dishes from Lone Star Steakhouse here.

Some say it's the best off-the-shelf barbecue sauce in the business. That secret combination of molasses, liquid smoke, and spices makes this stuff irresistible on chicken, ribs, or a juicy hamburger. Keep it fresh for your next cookout by whipping up your own home clone batch from scratch.

Try more famous copycat sauce recipes here.

Menu Description: "A delicious combination of ham and turkey, plus Swiss and American cheeses on wheat bread. Lightly battered and fried until golden. Dusted with powdered sugar and served with red raspberry preserves for dipping."

It sounds crazy, but it tastes great: a triple-decker ham, turkey, and cheese sandwich is dipped in a tempura-style batter fried to a golden brown then served with a dusting of powdered sugar and a side of raspberry preserves. For over ten years tons of cloning requests for this one have stacked up at TSR Central, so it was time for a road trip. There are no Bennigan's in Las Vegas, and since the Bennigan's chain made this sandwich famous, I headed out to the nearest Bennigan's in San Diego. Back home, with an ice chest full of original Monte Cristo sandwiches well-preserved and ready to work with, I was able to come up with this simple clone for a delicious sandwich that is crispy on the outside, and hot, but not greasy, on the inside (the batter prevents the shortening from penetrating). This recipe makes one sandwich, which may be enough for two. If you want to make more, you'll most likely have to make more batter so that any additional sandwiches get a real good dunking. Recently, Bennigan's restaurants across the country have been closing, but with this secret formula you can still experience the taste of the chain's signature sandwich.

As he worked long, hard days at a shipyard in Hingham, Massachusetts, during World War II, William Rosenberg was struck with an idea for a new kind of food service. As soon as the war ended, Rosenberg started Industrial Luncheon Services, a company that delivered fresh meals and snacks to factory workers. When Rosenberg realized that most of his business was in coffee and donuts, he quit offering his original service. He found an old awning store and converted it into a coffee-and-donut shop called The Open Kettle. This name was soon changed to the more familiar Dunkin' Donuts, and between 1950 and 1955 five more shops opened and thrived. The company later spread beyond the Boston area and has become the largest coffee-and-donut chain in the world.

Today, Dunkin' Donuts offers fifty-two varieties of donuts in each shop, but the most popular have always been the plain glazed and chocolate-glazed yeast donuts.

Popeyes Famous Fried Chicken and Biscuits has become the third-largest quick-service chicken chain in the world in the twenty-two years since its first store opened in New Orleans in 1972. (KFC has the number-one slot, followed by Church's Chicken). Since then, the chain has grown to 813 units, with many of them overseas in Germany, Japan, Jamaica, Honduras, Guam, and Korea.

Cayenne pepper and white pepper bring the heat to this crispy fried chicken hack.

Did you like this recipe? Get your hands on my secret recipe for Popeyes Chicken Sandwich and other Popeyes dishes here.

The automated process for creating Krispy Kreme doughnuts, developed in the 1950's, took the company many years to perfect. When you drive by your local Krispy Kreme store between 5:00 and 11:00 each day (both a.m. and p.m.) and see the "Hot Doughnuts Now" sign lit up, inside the store custom-made stainless steel machines are rolling. Doughnut batter is extruded into little doughnut shapes that ride up and down through a temperature and humidity controlled booth to activate the yeast. This creates the perfect amount of air in the dough that will yield a tender and fluffy finished product. When the doughnuts are perfectly puffed up, they're gently dumped into a moat of hot vegetable shortening where they float on one side until golden brown, and then the machine flips them over to cook the other side. When the doughnuts finish frying, they ride up a mesh conveyor belt and through a ribbon of white sugar glaze. If you're lucky enough to taste one of these doughnuts just as it comes around the corner from the glazing, you're in for a real treat—the warm circle of sweet doughy goodness practically melts in your mouth. It's this secret process that helped Krispy Kreme become the fastest-growing doughnut chain in the country.

As you can guess, the main ingredient in a Krispy Kreme doughnut is wheat flour, but there is also some added gluten, soy flour, malted barley flour, and modified food starch plus egg yolk, non-fat milk, flavoring, and yeast. I suspect a low-gluten flour, like cake flour, is probably used in the original mix to make the doughnuts tender, and then the manufacturer adds the additional gluten to give the doughnuts the perfect framework for rising. I tested many combinations of cake flour and wheat gluten, but found that the best texture resulted from cake flour combined with all-purpose flour. I also tried adding a little soy flour to the mix, but the soy gave the dough a strange taste and it didn't benefit the texture of the dough in any way. I excluded the malted barley flour and modified food starch from the Krispy Kreme original glazed doughnut recipe since these are difficult ingredients to find. These exclusions didn't seem to matter because the real secret in making these doughnuts look and taste like the original lies primarily in careful handling of the dough.

The Krispy Kreme original glazed doughnut recipe dough will be very sticky when first mixed together, and you should be careful not to over mix it or you will build up some tough gluten strands, and that will result in chewy doughnuts. You don't even need to touch the dough until it is finished with the first rising stage. After the dough rises for 30 to 45 minutes it will become easier to handle, but you will still need to flour your hands. Also, be sure to generously flour the surface you are working on when you gently roll out the dough for cutting. When each doughnut shape is cut from the dough, place it onto a small square of wax paper that has been lightly dusted with flour. Using wax paper will allow you to easily transport the doughnuts (after they rise) from the baking sheet to the hot shortening without deflating the dough. As long as you don't fry them too long—1 minute per side should be enough—you will have tender homemade doughnuts that will satisfy even the biggest Krispy Kreme fanatics.


4. Better Luck Tomorrow — Houston, Texas

"Without a doubt, chef Justin Yu's Party Melt burger is on top in Houston," Jordana Rothman, Food & Wine's restaurant editor, said. The James Beard Award-winning chef's burger consists of a beef patty that's topped with crispy broiled cheddar cheese, caramelized onions and thinly sliced red onions. Rothman also noted that the loosely ground beef is cooked in tallow (beef fat), and that the burger is served between thick slices of homemade bread that's made with Parmesan cheese, making it an umami-packed powerhouse.


National Burger Month Recipe: 25 Degrees' Number One Burger

May is National Burger Month, and we plan on celebrating accordingly. Throughout the upcoming weeks we'll be bringing you all sorts of coverage, from recipes to grilling tips to best-of lists.

The first recipe comes from 25 Degrees, the all-hours burger lounge which is run by Tim Goodell over at the Hollywood Roosevelt Hotel. Here's how their (appropriately named for our purposes) Number One Burger is made.

25 Degrees’ Number One burger
4 porções

2 pounds of ground beef 80% lean/20% fat blend, formed into a patty
8 slices of apple wood smoked bacon
8 ounces Crescenza cheese
8 ounces Gorgonzola cheese
4 Brioche buns, or alternative artisanal bread, toasted
8 tablespoons 1000 Island dressing (see recipe below)
Handful of washed wild arugula

25 Degrees 1000 Island dressing
4 porções

1/4 cup mayonnaise
1/2 ounce pickles, minced
1/2 ounce shallots, minced
1 tablespoon of red wine vinegar
2 colheres de sopa de suco de limão

Heat a griddle or sauté pan over medium high heat and coat with olive oil. In a bowl, combine beef and salt and pepper to taste to form four 5 inch patties. Cook patties for about 8-9 minutes in pan, flipping once, to desired doneness.

While burgers are cooking, place all the bacon in a skillet, cook for about 5 minutes on each side, reserve.

Just before patties are cooked, place the crescenza and gorgonzola cheese on top until melted. Remove from heat and let rest.

Mix ingredients for the 25 Degrees 1000 Island dressing in a bowl and set aside.

Halve the toasted Brioche buns then spread dressing on each side. Layer the bacon and arugula to complete the burger. Sirva quente.


The 17 Most Influential Burgers of All Time

Contact us at [email protected]

The fictional Simpsons hangout was so popular, it became a real-life restaurant in 2013, when Universal Studios Orlando opened a Simpsons theme park. Ironically, menu staples like the Clogger Burger and the Mother Nature Burger&mdashdismissed as gross on the cartoon&mdashfetch over $10 in real life.

In October of 2014, Chicago heavy-metal-themed bar Kuma’s Corner launched one of the most outrageous burgers to date: the Ghost Burger&mdashit’s named after Swedish metal band Ghost B.C.&mdashwas topped with an unconsecrated Communion wafer. The dish sold well, but angered Catholics (and garnered national headlines), prompting the owners to donate $1,500 to Catholic Charities of the Archdiocese of Chicago.

The ordering lingo for this Atlanta staple, which debuted in 1928, is almost as delicious as the burger itself: you get it &ldquoall the way&rdquo in lieu of &ldquowith onions,&rdquo and &ldquowalk a steak&rdquo replaces &ldquoto-go.&rdquo These branding gimmicks were later replicated by burger chains like In-N-Out, whose secret menu (see: &ldquoanimal style&rdquo and “protein style”) has helped lure millions of customers.

Arguably the first &ldquomodernist cuisine&rdquo patty, the Umami Burger&mdashunveiled by Adam Fleischman in 2009&mdashis meant to taste like, well, umami (a savory taste embodied in MSG), incorporating such toppings as soy-roasted tomatoes, parmesan crisps and pickled ginger. The patty’s success has fueled the opening of 21 additional locations.

President Obama treated then-Russian President Dmitri Medvedev to one of these patties in Arlington in 2010&mdashObama&rsquos was reportedly ordered plain, while Medvedev added jalapeños, mushrooms and onions. And the meal may have fostered intimacy between the two leaders: less than two years later, Obama was caught on a hot mic asking Medvedev for space on missile defense policy, explaining, &ldquoThis is my last election. After my election I have more flexibility.&rdquo Medvedev was amenable.

This so-called hybrid burger&mdashtwo parts ramen, one part beef patty&mdashdrew vast crowds at the Smorgasburg outdoor food market in Brooklyn throughout the summer of 2013 (mere months after the cronut craze). Soon, the Keizo Shimamoto creation had enough hype to debut in L.A. and even inspired a knockoff in the Philippines, cementing its status as a global obsession. Alas, there’s no official ramen-burger restaurant yet&mdashwould-be tasters have to monitor its Facebook page to see where it’ll be served next.

The burger may be a mostly American creation, but many other countries have launched their own chains&mdashand burger variants&mdashto capitalize on its success. Among the most prominent: MOS (a.k.a. &ldquoMountain Ocean Sun&rdquo) Burger, which opened in Japan in 1972. Although its signature patty mimics the U.S. classic, other items are designed around Japanese tastes there&rsquos a teriyaki burger and a grilled salmon rice burger. Similar tactics have worked in other regions, too: in India, Nirula’s chain serves potato and mint patties in lieu of beef, and in Malaysia, Ramly Burger offers patties wrapped in an egg envelope inside the bun.

Although this twist on the cheeseburger&mdashin which the cheese is melted inside the patty&mdashwas reportedly invented in the 1920s, when chefs were still experimenting with the burger, it gained national attention in 2008, thanks to a feud between two Minneapolis bars that both claim to have “invented” it. Since then, there have been numerous imitators, proving that a little innovation and a dash of hype is all it takes to reinvigorate enthusiasm for a classic.

Correction: The original version of this story misstated the date of invention of the Jucy Lucy. It was put on the menu at Matt’s in 1954.

With global demand for meat expected to grow 60% by 2050, the amount of farmland and grain needed to feed those chickens, pigs and cows may be unsustainable. But this burger, which was unveiled last year by Mark Post of Maastricht University, has none of those hang-ups&mdashit&rsquos grown in a lab from cow stem cells, which means it may even be palatable for vegetarians. The only issue: for now, it carries a $325,000 price tag.

Jon Basso, owner of The Heart Attack Grill, has drawn national attention (and outrage) for his gluttonous offerings since the restaurant first opened in 2005, offering free meals for those over 350 pounds. His most notorious dish is this behemoth, which layers eight slices of cheese between four half-pound patties and clocks in at nearly 10,000 calories. One regular customer, a kind of spokesman for the restaurant, actually died in front of the Las Vegas eatery in 2013. The burger became an exemplar of the more-is-more burger culture, preceding a series of other gluttonous dishes including Paula Deen’s doughnut-encased Lady’s Brunch Burger.

The 2004 invention&mdashtopped with a tangy, secret-recipe ShackSauce&mdashwas the first burger to start a food craze, inspiring hordes of eaters to wait in lines that stretched throughout New York&rsquos Madison Square Park. And Danny Meyer’s decision to grind prime cuts of whole muscle, rather than scraps, completely transformed the way we think of burgers, according to Josh Capon, the four-time winner of New York&rsquos Burger Bash.

The original veggie burger was invented in 1981 at&mdashgo figure&mdashthe Gardenhouse, an Oregon vegetarian restaurant, and it consisted mainly of leftover vegetables and grains. Before long, it was the most popular item on the menu, living on even after the restaurant closed as a frozen-food item that was packaged and sold internationally. Today, the Gardenburger and its imitators, from MorningStar to Boca, have become mainstays at conscientious cook-outs nationwide.

The quarter-pound patty, introduced in 1957, was the fast food industry&rsquos first gimmick burger&mdashdeveloped as a premium alternative to McDonald&rsquos, Wendy&rsquos and others. Burger King&rsquos stunt inspired its competitors to create their own &ldquodeluxe&rdquo versions. Among them: the McDonald&rsquos Big Mac.

When the 21 Club introduced its gourmet burger in the late 1940s or early 1950s, New Yorkers were shocked that an upper-class establishment would offer something as lowly as the burger&mdashand at the exorbitant price of $2.75, compared with McDonald’s’ 15 cents. Nevertheless, it was a hit. &ldquoThe [higher quality] beef did make a difference,&rdquo says Andrew F. Smith, author of Hamburger: A Global History, &ldquoand it certainly was something very different than simply fast food.&rdquo The luxury burger has since become a mainstay at many higher-end restaurants, from Le Parker Meridien (a high-low offering in the lobby’s Burger Joint) to db Bistro Moderne (the truffle, foie gras and short ribs DB Burger) to Hubert Keller&rsquos (the foie gras-topped Fleur Burger, which costs $5,000 and is served with a bottle of 1995 Château Pétrus).

Whereas McDonald&rsquos focused on fast, In-N-Out focused on food&mdashits signature burger, which debuted in 1948, was made from locally sourced ground beef and fresh vegetables. That approach may have prevented In-N-Out&rsquos expansion (it has just 294 locations today, compared with McDonald&rsquos 34,000-plus), but it certainly hasn&rsquot dampened foodie enthusiasm: the In-N-Out burger routinely tops best-of burger lists, and has inspired the launch of other higher-end fast food chains, such as Five Guys.

Behold, the burger that Smith says &ldquomoved fast food from a small operation to a global operation.&rdquo The original McDonald&rsquos patty, which debuted in San Bernardino, Calif., spawned an empire that now spans 118 countries&mdashmaking the price of its beefier counterpart, the Big Mac, ubiquitous enough to serve as an informal measure of purchasing-power parity, as seen in The Economist&rsquos Big Mac index.


2. In-n-Out

A West Coast favorite, In-n-Out has some of the best burgers in the country. They're inexpensive, pretty fast and oh-so-delectable. If you've never experienced the magic of In-n-Out, the double-double is a great starter burger. Served on a freshly-baked bun, sink your teeth into two juicy patties topped with cheese, lettuce, tomatoes, onions and the chain's special spread.

#SpoonTip: Craving In-N-Out but stuck at home? You can easily make their animal-style fries at home.


Assista o vídeo: Run away, hamburgers! Numbers Song. Delicious Foods. Song for Kids. BabyBus Portuguese (Novembro 2021).